download theme

Bonus for new user http://bet365.artbetting.gr 100% bonus by bet365.

bet365.artbetting.co.uk

Últimas notícias:
A+ A A-

Classificação com goleada

Com Messi em noite de maestro, a Argentina garantiu vaga na decisão da Copa América, ao bater o Paraguai por 6 a 1, em semifinal disputada em Concepción.

Os gols argentinos foram marcados por Rojo, Pastore e Di María, duas vezes, Agüero e Higuaín. Barrios fez o único gol dos paraguaios.
O adversário da Argentina na final será o Chile. A partida acontece no estádio Nacional, em Santiago, neste sábado, 4, às 17 horas.
É a 27ª vez que a seleção argentina chega à final da Copa América, mais do que qualquer outra equipe sul-americana. Entretanto, a última vez que o time conquistou o título foi em 1993, quando bateu o México por 2 a 1 na final do torneio disputado no Equador.
A semifinal iniciou equilibrada. Com forte marcação, os paraguaios não permitiam ao adversário impor sua maior qualidade técnica. Uma cobrança de falta, contudo, mudou a história do confronto. Aos 14, Messi levantou da direita, Rojo dividiu com a zaga e ficou com a sobra. Na segunda tentativa, acertou o canto direito de Villar. O gol forçou o Paraguai a mudar sua postura. Com a marcação mais adiantada, aumentaram os espaços para os argentinos. Escalado como armador, Messi recebeu na intermediária, aos 26, e serviu Pastore, que bateu cruzado e fez o segundo.
Acuados, os paraguaios esboçaram reação no fim do primeiro tempo. Aos 42, a Argentina errou na saída de bola. Valvez recuperou e passou para Barrios. Com a defesa rival aberta, o atacante avançou até a área e concluiu forte no canto direito de Romero para descontar.
A equipe do técnico Ramón Díaz levou baque logo após o intervalo. Após uma troca de passes rápida e envolvente, Pastore lançou Di María em profundidade. O camisa 7 recebeu e chutou cruzado para ampliar a vantagem argentina, com apenas 1 minuto no relógio.
Seis minutos depois, Messi fez grande jogada individual ao driblar três marcadores. Na sequência, mandou para Pastore, que entrou na área e viu finalização ser defendida por Villar. Porém, Di María aproveitou o rebote.
O quarto gol abateu o Paraguai e deu tranquilidade para a Argentina administrar o jogo. Aos 34, Agüero ampliou de cabeça, após receber cruzamento da esquerda de Di María, em lance iniciado por Messi. Aos 36, Higuaín aproveitou sobra na área e estufou as redes de Villar para fazer o sexto. (Folhapress)

Fonte: Jornal O Povo

Avalie este item
(0 votos)
voltar ao topo