download theme

Bonus for new user http://bet365.artbetting.gr 100% bonus by bet365.

bet365.artbetting.co.uk

Últimas notícias:
A+ A A-

Pacientes são atendidos no chão do IJF; motivo seria falta de macas

Em mais um capítulo da grave situação enfrentada pelos que necessitam de internação na Capital, pacientes foram submetidos a atendimento médico no chão.

O fato aconteceu no Instituto Doutor José Frota (IJF), maior hospital de referência do Estado em traumatologia. O flagrante foi encaminhado ao Diário do Nordeste por meio da ferramenta VCRepórter.
As imagens foram registradas no último domingo (10) e também na manhã de ontem, período em que a unidade geralmente registra maior demanda de atendimento, oriunda das ocorrências do fim de semana. Ao todo, 696 pessoas deram entrada no hospital no último sábado e domingo, entre eles, 130 vítimas de acidentes com motocicletas, 121 de quedas, 36 por acidentes envolvendo automóveis e 23 atropelados.
Ontem, 124 pessoas aguardavam atendimento nos corredores do IJF, de acordo com o "Corredômetro", levantamento diário realizado pelo Sindicato dos Médicos do Ceará e a Associação Médica Cearense (AMC), desde o dia 21 de abril.
"O aumento da violência, agressões físicas, feridos por armas de fogo e armas brancas, além dos motociclistas acidentados, tudo isso faz a demanda acumular. Na sexta à noite, começam a surgir as macas nos corredores e, quando chega o domingo, já está um caos", revela uma profissional da unidade, que preferiu não se identificar.
A imagem registrada ontem, esclarece ela, não é rotineira, mas acontece ocasionalmente quando a situação já está insustentável. "Fazemos malabarismos para que isso não aconteça, mas nesse caso, não tinha mais como. O paciente estava muito mal e, na ausência da maca, tivemos que colocá-lo no chão".
Ela afirma que o número de profissionais médicos é reduzido e que, não raramente, faltam medicamentos e materiais, básicos, como luvas. "Às vezes, são apenas quatro médicos para atender o dia inteiro e à noite".
Por meio de nota, a Superintendência do IJF informou que a situação dos pacientes à espera nos corredores é decorrente do excesso de demanda, mas que diariamente são tomadas medidas internas com o intuito de amenizar o quadro, como a qualificação da linha de cuidado e otimização de leitos internos e de retaguarda. Para requalificar a rede e otimizar a assistência aos pacientes, o IJF informa que segue em andamento uma interlocução com a rede de assistência secundária ao trauma.

Fonte: Diário do Nordeste

Avalie este item
(0 votos)
voltar ao topo