download theme

Bonus for new user http://bet365.artbetting.gr 100% bonus by bet365.

bet365.artbetting.co.uk

Últimas notícias:
A+ A A-

CBF confirma amistoso em outubro contra o Japão.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou oficialmente ontem, que a Seleção Brasileira fará um amistoso diante do Japão no próximo dia 14 de outubro, em Cingapura, naquela que será a quarta partida do time nacional desde a volta de Dunga ao comando. O duelo diante será realizado no novo The National Stadium.
Antes desta partida, o substituto de Luiz Felipe Scolari irá reestrear como técnico da seleção em 5 de setembro contra a Colômbia, em Miami, quatro dias antes de encarar o Equador, em Nova Jersey, também nos Estados Unidos.

Já para o dia 11 de outubro está marcado o confronto diante da Argentina, no estádio Ninho do Pássaro, em Pequim, em mais uma edição do Superclássico das Américas.
Dunga fará a sua primeira convocação de jogadores nesta sua volta à Seleção no próximo dia 19, visando estes dois primeiros amistosos em solo norte-americano. Para depois dos confrontos diante de argentinos e japoneses, o Brasil já tem agendado um outro duelo para o dia 12 de novembro contra a Turquia, em Istambul.
Jovens
Coordenador das seleções de base do Brasil e técnico do time olímpico que vai aos Jogos do Rio, Alexandre Gallo defende que os jovens jogadores do País fiquem mais tempo à serviço da seleção nas categorias inferiores. Em entrevista ao site da Fifa, ele indicou que o caminho é aumentar o número de convocações feitas ano a ano.
"Partimos de 13 ou 14 convocações e pulamos para uma média de 24 por ano, das quais cerca de 10 são dedicadas à sub-15. Na seleção sub-15 que montamos, tínhamos 14 atletas que nunca tinham participado de um torneio internacional. Enquanto o Chile, para se ter uma ideia, fica com seus garotos reunidos de segunda a quarta-feira na seleção e o restante da semana nos seus clubes. Eles ficam juntos na seleção já por 120 dias em um ano. E nós fomos com 27. Mas dá para trabalhar isso com o maior número de convocações", argumentou Gallo.

Fonte: Diário do Nordeste

Última modificação em
Avalie este item
(0 votos)
voltar ao topo