download theme

Bonus for new user http://bet365.artbetting.gr 100% bonus by bet365.

bet365.artbetting.co.uk

Últimas notícias:
A+ A A-

Advogado que matou comerciante vai a julgamento.

Treze anos após o crime, o advogado Vitor Quinderé Amora, que matou o comerciante José Wildson Saraiva Belém,de 25 anos, com golpes de chave de fenda, durante uma briga de trânsito, deve ser julgado na próxima quinta-feira (7). O caso ocorreu em 7 de agosto de 2001, na esquina das Ruas Frei Mansueto e Marcos Macêdo, na Aldeota.
Segundo o Tribunal de Justiça do Estado do Ceará (TJCE), o julgamento será realizado pela 3ª Vara do Júri. " O juiz Antonio Carlos Pinheiro Klein Filho presidirá o julgamento.

A acusação ficará com o promotor de Justiça Humberto Ibiapina e o assistente de acusação José Anchieta Santos Sobreira. A defesa terá à frente os advogados Clayton Marinho e Leandro Vasquez. O réu será julgado pelos crimes de homicídio e tentativa de homicídio, ambos com duas qualificadoras (motivo fútil e meio cruel)", divulgou.
No dia do crime, Wildson se envolveu em um acidente de trânsito, quando o automóvel Belina colidiu com um Monza. Familiares da vítima explicaram, em matéria do Diário do Nordeste publicada no ano de 2001, que Wildson estava indo para casa quando ocorreu a colisão, apenas com prejuízos materiais, mas não houve desentendimento.
Segundo testemunhas, Vitor não estava envolvido no acidente e passava pelo local. Mas teria se irritado com o engarrafamento causado pela colisão e ordenava que o homem retirasse os carros da via. Houve uma discussão e o advogado passou no Golf quase atropelando o aposentando. Depois o bacharel em Direito parou o Gol a cerca de 50 metros e desceu do carro com uma chave de fenda na mão. Ele tentou agredir o aposentado José Wilson Belém e o filho tentou impedir o espancamento, mas acabou sendo atingido pela chave de fenda.
Wildson ainda foi socorrido e encaminhado ao Hospital Geral de Fortaleza (HGF), mas devido ao estado grave, foi transferido para o Instituto Doutor José Frota (IJF), no Centro, onde permaneceu em coma, mas depois faleceu. Já o pai do comerciante. foi ferido, mas permeneceu em casa.

Fonte: Diario do Nordeste

Última modificação em
Avalie este item
(0 votos)
voltar ao topo